d

The Point Newsletter

[contact-form-7 404 "Not Found"]

Sed ut perspiciatis unde omnis iste natus error.

Follow Point

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione retornar para pesquisar. Pressione Esc para cancelar.
  /  Mike Indica   /  Histórias   /  Em campanha contra suicídio, ciclista pedala da Inglaterra até Malta

Em campanha contra suicídio, ciclista pedala da Inglaterra até Malta

“Depois de perder um amigo de infância, um tio e um ciclista amigo, decidi que aquilo era suficiente. Algo precisava ser feito e, por isso, comecei a planejar essa viagem. Um pedal de mais de 3 mil quilômetros de Cheltenham a Malta”. Assim o inglês Mike Swinford apresenta o seu plano de arrecadar 10 mil libras para a luta contra o suicídio em seu país.

Aqui já falamos muito sobre viagens, novidades e competições de ciclismo, mas hoje vamos apresentar a história de um ciclista que quer ir além e usar a bicicleta para fazer o bem.

Mike Swinford tem 26 anos de idade, é mecânico de uma loja de bicicletas em Cheltenham, uma cidade no sudoeste da Inglaterra com pouco mais de 100 mil habitantes. Apaixonado pelo ciclismo, ele pedala desde a infância e, recentemente, decidiu fazer algo para ajudar instituições que trabalham na prevenção de suicídio. “Sim, estou sofrendo de uma crise do primeiro quarto de vida”, ri ao contar seus planos. “Eu sempre tive uma vida muito simples, nunca fiz grandes loucuras, nunca viajei e sempre fiz tudo muito bem planejado dentro do meu pequeno orçamento”, conta Swinford, que agora espera conseguir arrecadar o dinheiro durante essa viagem para o grupo CALM, Campanha Contra Viver no Sofrimento, em tradução livre para o português.

Além disso, um atropelamento durante uma prova amadora motivou o inglês em sua jornada. Era um contrarrelógio, Mike Swinford foi atingido por um carro que fugiu sem prestar socorro. Mesmo sem ferimentos graves, aquele momento fez o ciclista amador pensar em sua vida. “O mais chocante foi o fato que a pessoa fugiu. Aquilo acabou com minha confiança para disputar provas de ciclismo”.

 

Com o choque da morte de pessoas próximas e de um acidente de bicicleta, Swinford bolou seu plano e, a partir do dia 1º de setembro ele embarca nessa jornada. Serão 3.220 quilômetros até Malta com longos trechos de subidas, principalmente nos Alpes, durante 28 dias.

E, caso não consiga as 10 mil libras, o ciclista promete organizar bingos e vender rifas na volta a sua cidade para ajudar a causa. Se quiser ajudar a causa de Mike Swinford, clique aqui.

Deixe um comentário

COMENTE AQUI